Menu
14110208723013-t1200x480

Chega ‘Ad-blocker’ nativo do Google Chrome.

Na metade do ano passado, a Google revelou que o Chrome ganharia um sistema de filtros de anúncios em algum momento de 2018. Pois agora a empresa de Mountain View revelou que este momento vai chegar amanhã: dia 15 de fevereiro. Pois é, o sistema de “coalização para anúncios melhores” vai entrar em vigor.
Apesar de estarmos chamando isso de “ad-blocker nativo”, ele funciona muito mais como um filtro do que como um bloqueador. Isso porque aconteceu uma reformulação das diretrizes de permissões de anúncio, fazendo com que alguns tipos de publicidade mais invasivos sejam impedidos — incluindo vídeos com autoplay, frames com luzes piscando e pop-ups que cobrem a tela inteira.

Filtros

A Google afirma que até mesmo os anúncios da companhia podem ser bloqueados se não respeitarem essas diretrizes. Ou seja: deve haver uma política de tolerância zero para que os usuários tenham as melhores experiências possíveis. Confira abaixo tudo o que deve ser bloqueado:

  • Anúncios pop-up (desktop)
  • Anúncios com contador (desktop)
  • Vídeos com autoplay e som (desktop)
  • Anúncios que “grudam” no scroll (desktop)
  • Pop-ups (mobile)
  • Anúncios que cobrem a largura inteira  (mobile)
  • Vídeos com autoplay e som  (mobile)
  • Anúncios que “grudam” no scroll (mobile)
  • Anúncios com contador (mobile)
  • Banners com densidade maior que 30% (mobile)
  • Banners com animações e luzes (mobile)

Há ainda a informação de que a rigidez nos filtros Mobile deve ser maior do que a vista em computadores, pois isso faz parte do compromisso da Google em manter a navegação mais leve nos dispositivos móveis.

Vai demorar algum tempo para que o recurso chegue ao Brasil. Por enquanto, somente Estados Unidos e Europa estão recebendo a atualização.

Share this Post!

About the Author : AeL


0 Comment

Leave a Comment

Your email address will not be published.

  TOP